Newsletter

Visita-nos em:

  • Facebook Page: 170320633001069
  • Twitter: cpessoal

Publicidade

Login



Calculadora de empréstimo

Montante:

(Use "." para decimais)
Duração:
anos
Taxa de interesse:
%
Mensalidade:
EUR
Total a ser pago:
EUR
Help
Empréstimos Particulares Com Cheques PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Quarta, 28 Março 2012 00:16
partilha

No atual estado da sociedade, com a dificuldade no acesso ao crédito e financiamento pessoal e empresarial, expande-se um mercado alternativo em paralelo com bancos, feito através de cheques de caução ao financiamento. Deste modo, o fiador (particular ou não) conseguirá obter o que emprestou, pela cobertura bancária dos cheques em questão. Esses cheques não ultrapassam os 145 euros, limite máximo da responsabilidade do pagamento por parte do banco, ou seja caso o cheque não tenha cobertura o banco paga na mesma.

 

Relativamente às taxas de juro,  nos empréstimos com cheques, costumam ser altas e muitas vezes são cobradas várias prestações no mesmo mês, dependendo do acordo em contrato, mas  o mais comum costuma ser 2 vezes ao mês, como por exemplo 1 e 15 de cada mês, acorrendo uma taxa de esforço geralmente grande, dependendo do acordo no início deste crédito.

Numa análise realizada  a um dos  investidores particulares, realizada através de anúncios em jornais que oferece este tipo de empréstimos foi:

Valor pedido 500 euros

Prazo pagamento 870 euros

Método pagamento Cheques pré-datados , dias 1 e 15 de cada mês no valor de 145 euros.

Neste caso, os juros atribuídos são de 74%, com o valor de 370€, do montante concedido de 500€. Ou seja terá que pagar em 3 meses 1,74x500€=870€. Se ainda fizemos o cálculo anual, num montante de 2000€, ter-se-á de pagar 3480€, com juros de 1480€, ou seja este empréstimo é bastante penoso ao nível dos juros aplicados.

As Consequências De Cheques Sem Provisão

A emissão de cheque de valor superior a 150€, apresentado a pagamento nos termos e prazos legais (8 dias contados a partir da data de emissão para os

cheques emitidos e pagáveis em Portugal), cuja falta de provisão cause prejuízos patrimoniais, é considerada crime de emissão de cheque sem provisão.

Também pode ser considerado crime:

  • Levantar, antes ou depois da emissão do cheque, os fundos necessários ao seu pagamento;

  • Proibir injustificadamente o banco de pagar um cheque;

  • Encerrar a conta ou alterar as condições de movimentação, impedindo o pagamento de um cheque;

  • Endossar um cheque recebido, quando conhece causas para o seu não pagamento.

Conclusão


Este tipo de Financiamento apenas deverá ser utilizado caso já não tenha concessão a crédito pela banca ou financeiras, caso contrário corre-se o risco de sobreendividamento por juros elevados. Assim depois de esgotar outros recursos desde família, amigos, bancos, financeiras, o crédito por cheques pré-datados deverá ser uma das últimas hipóteses, tendo em conta que os juros geralmente são elevados. Existe uma forma de mudar os juros,  através de um contrato com mútuo acordo entre o fiador e o cliente.



blog comments powered by Disqus
Actualizado em Sábado, 31 Março 2012 11:38